---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?

turismo
Próximas ações do Projeto Geoparque são apresentadas em reunião do COMTUR de Jacinto Machado

Publicado em 08/07/2019 às 17:09 - Atualizado em 08/07/2019 às 17:09

 

 

O município de Jacinto Machado faz parte do território do projeto Geoparque Cânions do Sul. Após o envio da carta de manifestação de interesse na candidatura ao Programa Internacional de Geociências e Geoparques (IGGP), a fim de se tornar um Geoparque Mundial da Unesco, elaborada pelo Consórcio Intermunicipal que administra o Projeto, várias ações estão planejadas para acontecer. A fim de se integrar ainda mais ao projeto, o Conselho Municipal de Turismo, COMTUR, recebeu o diretor executivo do Geoparque, Gislael Floriano e a integrante da equipe técnica Edinei Pallu, na última quinta-feira, 6.

 

O presidente do COMTUR, Marcelo Picolo salientou a importância de que cada vez mais a população do território conheça o projeto Geoparque. “Estamos caminhando rumo à conquista da chancela e é importante cada vez mais que o trade turístico se aproprie deste projeto”, completa.

 

Segundo Gislael, o momento agora é de união para que juntos, alcancemos o objetivo que é se tornar um Geoparque Mundial da Unesco. “Temos um grande potencial e estamos focados em alcançar o objetivo”. Algumas ações planejadas na área do turismo são a criação de um roteiro turístico integrado e o Dia de Geoparque, que consiste em promover trilhas nos principais geossítios do município. Em Jacinto Machado o Morro do Carasal, o Cânion da Pedra e o Cânion Fortaleza são alguns dos geossítios identificados.  

 

O secretário de Turismo José Carlos Zanatta destaca que o potencial de Jacinto Machado na área do turismo é grande. “Ações de organização do turismo ajudam a solidificar os potenciais do município e com o projeto Geoparque isso ganha mais força”.

 

O próximo passo é a elaboração do dossiê de candidatura, que deverá ser enviado à Unesco até 30 de novembro. Até agosto de 2020 ocorrem as missões de avaliação de campo por até dois avaliadores e a resposta se o Cânions do Sul irá integrar a rede mundial de geoparques vem em 2021.